Governo abrirá mais 40 leitos para covid-19 na Lapa

A Secretaria da Saúde do Paraná, por meio do Complexo Hospitalar do Trabalhador inicia, nesta quarta-feira (23), processo administrativo e estrutural do Hospital São Sebastião da Lapa, que vai liberar cerca de 40 leitos clínicos exclusivos para covid-19.

“Ao detectarmos a possibilidade imediata de abertura dos leitos acionamos o Complexo Hospitalar do Trabalhador para implementar no Hospital da Lapa todo conhecimento técnico e expertise profissional adquiridos ao longo desses 10 meses de enfrentamento da covid-19 administrando as unidades do HT, Hospital de Reabilitação e Hospital de Infectologia e Retaguarda Clínica Oswaldo Cruz, em Curitiba”, afirmou o secretário de Estado da Saúde , Beto Preto.

“A ideia é apoiar os servidores da unidade da Lapa no sentido de que eles também adquiram o conhecimento técnico para este enfrentamento o mais rápido possivel”, informou o diretor-superintendente do CHT, Geci Labres de Souza.

“Como o perfil do hospital São Sebastião é de média complexidade os leitos acionados serão de enfermaria e já estão com as com estruturas prontas; e ainda contaremos com a retaguarda do Complexo Hospitalar do Trabalhador que hoje conta com 74 leitos de unidade de terapia intensiva na capital”, complementou o diretor.

OPERACIONALIZAÇÃO – Diretores da Secretaria da Saúde e equipe técnica do CHT percorreram nesta terça-feira (22) as instalações do Hospital São Sebastião para início da avaliação estrutural, com a presença de profissionais da instituição.

“Esta parceria do CHT no Hospital da Lapa, que também é uma unidade do Estado, visa dar mais agilidade e resolutividade às ações de combate à Covid-19 na região Metropolitana ; estamos avaliando inclusive a possibilidade de equipar e abrir neste hospital uma ala de estabilização para atender eventuais casos de agravamento “, informou o chefe de gabinete da Secretaria da Saúde, Cesar Neves.

“A decisão de Secretaria, de buscar o apoio do CHT, é também uma medida para renovar e uniformizar processos gerenciais dentro da Saúde do Estado, que envolvem desde a compra de insumos, até fluxos de trabalho, metas assistenciais, e principalmente, benefícios aos usuários da rede pública”, disse o diretor de Gestão em Saúde da Sesa, Vinícius Filipak.

HOSPITAL – O Hospital Regional da Lapa de São Sebastião faz parte das unidades próprias do Estado e é referência para o tratamento da tuberculose. “É importante ressaltarmos que a medida em implantação aqui, estabelecendo parceria com o CHT, fortalecerá a referência do Hospital da Lapa para o tratamento de pacientes tísicos. Os usuários terão ampliação dos serviços ofertados pelo complexo que já administra o Hospital Oswaldo Cruz, também considerado modelo no tratamento de pacientes com tuberculose e HIV”, acrescentou o chefe de gabinete da Secretaria da Saúde, Cesar Neves.

Informações AEN.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curitiba chega a 60% da população totalmente vacinada contra a covid-19

Curitiba chegou, nesta quinta-feira (14/10), a 60,1% de sua população estimada totalmente vacinados contra a covid-19. São pessoas que já receberam as duas doses do imunizante ou a dose única (Janssen). Ao todo, 1.171.419 curitibanos estão com esquema vacinal completo.

“Esses números mostram que o curitibano aderiu à vacina. É um dado importante na diminuição de casos e de internações. Mas só a vacina não é suficiente, é necessário manter a máscara, ambientes arejados, uso de álcool em gel,  lavar as mãos”, destaca a secretária municipal da Saúde, Márcia Huçulak.

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) de Curitiba aplicou, até esta quinta-feira (14/10), 2.668.087 unidades do imunizante, sendo 1.445.953 primeiras doses e 1.133.247 segundas doses, 38.172 doses únicas e 50.715 doses de reforço.

Vacinados com 18 anos ou mais

Entre a população com 18 anos ou mais, 1.398.954 curitibanos receberam a primeira dose da vacina contra a covid-19 e 1.133.178 receberam a segunda dose. Outras 38.172 pessoas foram imunizadas com a dose única.

Assim, Curitiba chegou a 80,6% da população com 18 anos ou mais (1.171.350) com esquema vacinal completo até esta quinta-feira (14/10). Nesse público, 98,9% já receberam ao menos uma dose do imunizante.

Curitiba também está aplicando as doses de reforço em quem já completou o ciclo de imunização, nos seguintes grupos: idosos de 70 anos ou mais, pessoas imunossuprimidas e profissionais de saúde. Até esta quinta-feira (14/10), 50.715 pessoas receberam a dose de reforço.

Adolescentes de 12 a 17 anos

Até o momento, a SMS vacinou 46.999 adolescentes entre 12 e 17 anos. Destes, 69 já receberam também a segunda dose, sendo do grupo de gestantes abaixo de 18 anos.

Doses recebidas

Curitiba recebeu do Ministério da Saúde, repassadas pelo Governo do Paraná, 2.970.599 doses de vacinas, sendo 1.523.596 para primeira dose, 1.337.762 para segunda dose, 38.975 doses de aplicação única e 70.266 doses de reforço. Nesse montante já estão contabilizados os 5% de reserva técnica.

A reserva técnica é uma medida de segurança, faz parte dos protocolos da logística e é necessária para evitar problemas no fluxo de imunização que possam ser causados por imprevistos eventuais, por exemplo, quebra acidental de frascos.

O município tem capacidade para vacinar até 30 mil pessoas por dia e o avanço do cronograma de imunização ocorre à medida que as doses são enviadas pelo Ministério da Saúde ao governo estadual, responsável por distribuir os lotes do imunizante aos municípios.

Confira detalhes da vacinação contra a covid-19 no Painel Covid-19 Curitiba.

Covid-19: 150 milhões de brasileiros foram vacinadas com a primeira dose

O Ministério da Saúde anunciou na noite desta quinta-feira (14) que o Brasil alcançou a marca de 150 milhões de pessoas vacinadas com pelo menos uma dose de vacina contra a covid-19. Ao todo, foram aplicadas 150.179.756 doses, de acordo com o balanço mais recente da pasta. 

O número representa cerca de 93% dos 160 milhões de brasileiros que fazem parte do público-alvo da campanha, a partir dos 12 anos de idade.

Já o ciclo vacinal completo com duas doses ou dose única da vacina da Janssen está se aproximando de 62% do público-alvo, segundo a pasta. São 100.632.085 doses aplicadas até agora. 

Somando primeira e segunda doses, além da dose única, foram aplicadas, até agora, um total de 250.811.841 vacinas. O Ministério da Saúde informa ainda que 310.498.347 doses já foram distribuídas aos estados.