Exposição Mutirão mostra história de catadores de Curitiba

Treze anos da história dos catadores de materiais recicláveis estão sendo contadas na exposição fotográfica Mutirão, na Rua da Cidadania do Cajuru. As 15 fotos escolhidas para a mostra registram a rotina de um grupo de trabalhadores do Sítio Cercado sob as lentes do fotógrafo Ari Baiense. A exposição fica aberta ao público até 13 de dezembro.

O nome da exposição vem do nome da associação de catadores de materiais recicláveis que Baiense fotografou, com o objetivo de dar visibilidade ao trabalho desses profissionais e registrar a história do grupo. 

“O Mutirão sempre buscou se autogerenciar e é um caso de sucesso entre os catadores. As fotos valorizam o trabalho deles, buscam ressaltá-los como seres humanos e dar para eles a memória de sua própria história”, diz Baiense.

Ari Baiense, expõe fotos do livro Mutirão na Rua da Cidadania Cajuru. Curitiba, 18/11/2020 Foto: Valdecir Galor/SMCS

Ari conheceu o Mutirão em 2007, apresentado por um volutário que colaborava com associação e  que participou de uma das oficinas de fotografia ofertada por Baiense. Desde então, 13 anos de visitas para registrar a árdua rotina de quem coleta e separa o que pode ser reciclado como modo de sobrevivência.

Nascida em 2004, a associação faz parte do Programa Ecocidadão da Prefeitura de Curitiba, que visa melhorar a qualidade de vida dos catadores e fortalecer a rede de coleta e separação de materiais também reutilizáveis.

Conscientização ambiental 

A conselheira fiscal da Associação, Sandra Mara de Lemos, 47 anos, foi uma das fotografadas para o projeto. Ela conta que a exposição das fotos tem contribuído para ampliar a consciência ambiental da população na destinação correta dos resíduos.

“Com a divulgação feita pelo Ari, conseguimos falar um pouco mais do nosso trabalho, ter o reconhecimento. Muitos nos procuram para aprender a separar os descartáveis e encaminhar para a gente”, fala.

Para que mais pessoas possam ver o trabalho dos catadores transformado em arte, a exposição vai passar por diversos pontos da cidade. Este ano, as fotos já foram exibidas no Portão Cultural e na Cidadania Matriz. Nos próximos meses, nas demais Ruas da Cidadania de Curitiba, com apoio da Fundação Cultural de Curitiba (FCC). 

Fotolivro

O trabalho foi transformado também em um fotolivro, lançado em março de 2019. Além das fotos, o livro tem relatos dos catadores sobre seu trabalho, com textos do jornalista José Carlos Fernandes e de alunas do curso de Jornalismo da Universidade Federal do Paraná, e ilustrações de Vinícius Barajas.

ri Baiense, expõe fotos do livro Mutirão na Rua da Cidadania Cajuru. Curitiba, 18/11/2020 Foto: Valdecir Galor/SMCS

A renda da venda do livro é revertida para a Associação Mutirão.

Serviço: Mutirão, de Ari Baiense

Visitação: até 13 de dezembro de 2020, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h 
Local: Rua da Cidadania do Cajuru (Avenida Prefeito Mauricio Fruet, 2.150, 2º piso, em frente ao Espaço Cidadão)
Livro Mutirão à venda no site do fotógrafo (www.aribaiense.com)  e  no Café Galeria Portfolio (R. Alberto Foloni, 634, Juvevê) por R$ 60 (descontos de até 40%). Renda revertida para a Associação Mutirão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

YouRock comemora um ano de abertura com programação especial e tradicional costelinha barbecue

Evento será no dia 25, a partir das 12 horas, no Rebouças

O YouRock abre as portas para clientes e amigos no dia 25, a partir das 12 horas, em clima de festa. No cardápio, uma homenagem às raízes: a tradicional costelinha barbecue será o prato principal! A carne será servida até às 16 horas e a degustação será embalada pelo estilo inconfundível da banda Três Oitão Canela Seca. A banda Maktub (uma das revelações da Batalha do Rock, outra atração promovida pelo YouRock ao longo de seus 365 dias de funcionamento) encerra a festa com homenagem ao aniversário e lançando o álbum Paranoid, do Black Sabbath.

Até o fechamento da conta, porém, tem muita diversão no cardápio. Para quem gosta de jogos, por exemplo, a festa do bar inclui algumas brincadeiras tradicionais, como o beer pong, bastante conhecido nas festas americanas. O famoso jogo de dardos estará presente também, para que todos se divirtam mirando no alvo, e quem acertar leva prêmio! A festa vai presentear os clientes com sorteio de brindes exclusivos, como um capacete personalizado feito durante o evento por um artista local.

A comemoração será na Rua Piquiri, 390, no bairro Rebouças, em Curitiba. A expectativa é que até 150 pessoas participem do evento. A casa estará funcionamento de acordo com o Decreto Municipal para o enfrentamento da Covid-19.

UM ANO

Inaugurado no final de 2020 em um momento de pandemia mundial, o YouRock Bar começou suas atividades de maneira contida, respeitando todos os protocolos sanitários. Aos poucos, foi conquistando os clientes por oferecer pratos bem pensados, drinks especiais, uma estrutura ampla, arejada e segura, além de eventos paralelos e de calendário, como a festa de Halloween, o Art Day, o Videoclipe Lil Nano e a Batalha do Rock.

O local e seus 250 metros quadrados faz a saída de casa valer a pena, afinal, estar no YouRock é uma experiência. A atmosfera rock’n roll é ideal para quem gosta de cerveja gelada, motos, esporte e de boa música. Descolado, abraçando as diferenças, o YouRock é aconchegante e também pet friendly.

SERVIÇO

Quer conhecer mais? Acesse: https://yourockbar.com.br/

Curitiba comemora Dia da Árvore com distribuição de mudas nas regionais

O Dia da Árvore será marcado pela distribuição de mudas do Horto Municipal da Barreirinha nas dez regionais da cidade.  A partir desta terça-feira (21/9), quem quiser colaborar para deixar a cidade mais verde, com temperatura mais agradável e mais receptiva à fauna silvestre, pode buscar a sua muda nativa. Veja os endereços abaixo. 

Esse é o quarto mês que o Horto da Barreirinha descentraliza a entrega para a população. De acordo com o diretor de Produção Vegetal da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, José Roberto Roloff, é uma forma de facilitar o acesso e incentivar a participação no Desafio 100 Mil Árvores para Curitiba. 

Foto: Ricardo Marajó/SMCS

“Estamos muito felizes com a resposta dos curitibanos, que esgotam o estoque de mudas assim que elas chegam”, avalia. Mesmo sem plantios comunitários em função da pandemia do novo coronavírus, a cidade já contabiliza mais de 150 mil mudas plantadas e tem a previsão de chegar a 200 mil neste segundo ano de desafio. 

Foto: Cesar Brustolin/SMCS

 

Como retirar?

Qualquer pessoa pode buscar uma muda de árvore nas administrações regionais. Cada regional terá 500 mudas para distribuição. Será necessário, apenas, o preenchimento de um cadastro simples, com o local e as características do plantio para que seja fornecida a muda mais adequada. 

Poderão ser plantadas espécies como os ipês amarelo, roxo e roxo anão, uvaia, pitanga, araçá vermelho, palmeira imperial, entre outras.

“Em áreas privadas não há restrição de plantio, mas se houver interesse no plantio em via pública – em frente de casa ou em alguma área verde -, é preciso seguir algumas regras”, lembra Roloff. Isso porque a cidade tem normas de urbanização, fiação elétrica e outras características que precisam ser levadas em consideração. 

A informação do local do plantio também servirá para o registro da participação no desafio. 

Onde buscar a sua muda?

REGIONAL BAIRRO NOVO – Rua Tijucas do Sul, 1.700
REGIONAL PINHEIRINHO – Avenida Winston Churchill, 2.033
REGIONAL BOQUEIRÃO – Avenida Marechal Floriano Peixoto, 8.430
REGIONAL TATUQUARA – Rua Olivardo Konoroski Bueno, s/n 
REGIONAL SANTA FELICIDADE – Rua Santa Bertilla Boscardin, 213 
REGIONAL BOA VISTA – Avenida Paraná, 3.600 
REGIONAL CAJURU – Avenida Prefeito Maurício Fruet, 2.150
REGIONAL PORTÃO – Rua Carlos Klemtz, 1.700 
REGIONAL CIC – Rua Manoel Valdomiro de Macedo, 2.460 
REGIONAL MATRIZ – Praça Rui Barbosa, 101