De cavernas a balão, 5 programas com muita adrenalina na Grande Curitiba

De cavernas a balão, 5 programas com muita adrenalina na Grande Curitiba

A capital paranaense é referência quando se fala em programas ao ar livre, mas nos demais municípios da Região Metropolitana também há programas para todos se reconectarem com a natureza, além de experiências com muita adrenalina, como passeios em grutas e voos de balão. Neste período de férias, o que não faltam são opções de roteiros que também incluem uma pausa para experimentar a gastronomia local e conhecer a riqueza histórica e geológica da Grande Curitiba. 

Informações sobre alguns desses locais já figuram no mobiliário urbano da capital. Painéis em pontos de ônibus, canteiros de vias e outros espaços públicos da cidade estão trazendo fotos e dados sobre as atrações.

A ação “RMC no mobiliário urbano de Curitiba“ é uma iniciativa do Grupo de Trabalho (GT) de Turismo do Programa de Desenvolvimento Produtivo Integrado da Região Metropolitana de Curitiba (Pró-Metrópole), coordenado pela presidente do Instituto Municipal de Turismo (IMT) da capital, Tatiana Turra.
Grutas do Varzeão e Dá a Volta – Doutor Ulysses

Estão localizadas no município a 133 km de Curitiba as duas maiores cavernas já catalogadas no Paraná: a Gruta Dá a Volta, com 2,5 mil metros de extensão, e a Gruta do Varzeão, com 1,9 mil metros. Ambas próximas do centro da cidade.

Próximo à Gruta do Varzeão fica localizada a comunidade quilombola que leva o mesmo nome. A comunidade é certificada pela Fundação Palmares, desde 2006, e é um ponto turístico da região.

Serviço

Como chegar: Clique aqui

Entrada gratuita.

Telefone: (41) 99855-4752

Recanto Viana – Bocaiúva do Sul

Provar aperitivos com diferentes combinações, relaxar em contato com a natureza ou fazer atividades ao ar livre são algumas das possibilidades dos visitantes do Recanto Viana, em Bocaiúva do Sul. Além da prática da pesca, também estão disponíveis pedalinho, parquinho infantil, redes entre os arvoredos, e muito gramado, para um piquenique.

É necessário levar o material de pesca e isca, pois o local não oferece. Também não tem serviço de limpeza de peixes.

Serviço

Endereço: Estrada Bom Retiro, s/n, km 16, Bom Retiro, Bocaiúva do Sul

Horário: De sexta à domingo e feriados nacionais, das 8h às 19h

Telefone: (41) 9188-7424

Passeio de Balão – Campo Largo

Admirar a paisagem do alto de um balão faz parte do sonho de muitos turistas e  pode ser realizado em Campo Largo. O passeio no ar depende das condições climáticas e dura cerca de uma hora, mas a aventura toda tem duração de três horas e meia, com instruções de voo e preparação do balão (utilizando ar frio para em seguida receber jatos de fogo). Os voos acontecem pelo amanhecer e no fim da tarde, normalmente às 7h  e às 16h.

Serviço

Valor: a partir de R$ 430 por pessoa

Informações disponíveis no site das empresas que oferecem o passeio (Snap Balonismo  e Air Company) ou pelo telefone (41) 3291-5229 (Departamento de Turismo de Campo Largo)

Parque Estadual de Campinhos – Tunas do Paraná

Está localizado nos municípios de Tunas do Paraná e Cerro Azul o primeiro Parque Estadual criado para conservar o Patrimônio Espeleológico do Paraná – que estuda as cavidades naturais. A Gruta dos Jesuítas é o cartão-postal do local e reconhecida como a 5ª maior caverna do estado. As visitas são permitidas desde que acompanhadas pelos condutores que trabalham no parque. O passeio contempla os 550 metros internos em um trajeto de aproximadamente 1 hora de duração. Não é indicado para quem tem medo do escuro, pois dentro da gruta a ausência de luz é total.

Serviço

Endereço clique aqui

Horário:  Entrada na caverna até as 14:30

Entrada gratuita

Telefone: (41) 3659-1428

Bosque Municipal Reinhard Maack – Curitiba

Em uma área de 78 mil metros quadrados, no bairro Hauer, em Curitiba, fica o Bosque Reinhard Maack. O local tem foco na educação ambiental e recebe estudantes ou grupos acompanhados de pedagogos – com autorização prévia da Secretaria Municipal do Meio Ambiente. Durante as visitas, são reforçadas as ideias de respeito à natureza, passeio nas trilhas em meio à vegetação, com atividades lúdicas nos 16 diferentes brinquedos feitos de madeira, cordas e pneus, dispostos ao longo do caminho da “Trilha da Aventura”. Nos fins de semana com sol, o parque é aberto ao público em geral.

Serviço

Endereço: Rua Raggi Izzar X Rua Waldemar Kost X Rua Oswaldo Aranha, Hauer, Curitiba

Aberto de terça a sábado para visitação gratuita de grupos de estudantes previamente agendados. Nos fins de semana, o bosque é aberto ao público.

Veja a matéria no site da Prefeitura de Curitiba

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Empresa curitibana cria pizzas saudáveis para consumo prático

A importância de uma alimentação equilibrada para a saúde, tanto física quanto emocional, é um tópico bastante fomentado por médicos e especialistas de diversas áreas. E se não há dificuldades em compreender que esses hábitos saudáveis são a chave para a longevidade e qualidade de vida, o desafio fica na necessidade de abrir mão de alimentos mais pesados e gordurosos, mas que fazem parte da preferência de grande parte dos brasileiros, entre eles a tão amada pizza.

Mas, e se não for preciso sacrificar as comidas preferidas para ter uma dieta equilibrada? Foi assim que nasceu o conceito da Cheiro de Vida, empresa que criou aquilo parecia impossível: uma pizza saudável e saborosa. Instalada na cidade de Curitiba (PR), a Cheiro de Vida possui um cardápio de pizzas e quiches sem glúten e low carb produzidas com ingredientes selecionados de primeira qualidade. São sete sabores de pizza (marguerita, zucchini, mussarela, palmito, quatro queijos, frango com ervas e calabresa) e quatro de quiches (frango, calabresa, marguerita e palmito), além de pizzas veganas de marguerita, 3 queijos e gryuere com brócolis.

Os produtos são congelados e saem da capital paranaense para todas as cidades brasileiras chegando a mesa do consumidor sem perder o sabor, crocância e qualidade. Mas não foi fácil chegar a receita ideal para substituir a pizza tradicional. As primeiras tentativas começaram há 7 anos, na cozinha da Alexandra Pereira e do Gustavo Vidigal lá no bairro de Copacabana, no Rio de Janeiro (RJ). “O Gustavo foi diagnosticado com hipotireoidismo e o médico na época nos orientou a tirar o glúten para evitar o desenvolvimento da doença celíaca.”, conta Alexandra. Além disso, os dois são adeptos de esportes e musculação e sempre gostaram de manter uma dieta cuidadosa. Gustavo chegou a ser campeão carioca de natação, tendo a alimentação saúdável como um hábito desde a adolescência.

Foi assim que os sócios, apaixonados por pizza, começaram a testar ingredientes e modos de preparo que atendendessem suas necessidades. Não demorou muito para que as produções se tornassem um negócio. “No começo, as pizzas eram para consumo próprio, pois as opções que haviam no mercado não nos agradavam em termos de sabor. Aos poucos fomos aperfeiçoando a receita e percebemos que nós poderíamos fornecer essa opção para o mercado”, diz a empresária.

A iniciativa de criar a marca coincidiu com a vontade de viver em um novo lugar, assim a Cheiro de Vida nasceu no Rio, mas se estruturou no Paraná. “Antes de nos mudarmos, trazíamos as pizzas na bagagem do avião para atender os primeiros pedidos em Curitiba, a praticidade era importante pra gente, por isso optamos pelo formato congelado”, explica Alexandra.

Atualmente, os produtos da Cheiro de Vida podem ser adquiridos diretamente no site da marca ou encontrados em lojas especializadas. É possível comprar tanto as pizzas recheadas quanto a somente a massa crua. Todas as massas são veganas e a marca só usa queijos sem lactose, além de focar em receitas que priorizam as proteínas. “Não criamos um produto focados em ganhar dinheiro, criamos pois acreditamos em todos os benefícios de uma boa alimentação”, diz a empresária. Os sabores são pensados para oferecer alternativas saudáveis e que incluam os celíacos e vegetarianos. “Nosso objetivo é realmente estimular a dieta equilibrada como antídoto contra dores e doenças”, completa.

Mais informações sobre produtos e onde comprar no site www.cheirodevidasemgluten.com.br

Mercado Municipal de Curitiba tem ofertas nos preços de peixes e frutos do mar

De hoje (7/2) até domingo (12/2), o Mercado Municipal de Curitiba promove o Festival do Pescado. Foto: Hully Paiva/SMCS

Que tal preparar uma receita com peixes e outros frutos do mar? De hoje (7/2) até domingo (12/2) o Mercado Municipal de Curitiba promove o Festival do Pescado, com grande variedade de produtos frescos e ofertas nas três peixarias do local.

Estão disponíveis pescados como sardinha inteira, truta, filé de cação, camarão, bacalhau, tainha e posta de robalo.

De acordo com Cleverson Augusto Schilipack, presidente da Associação dos Comerciantes Estabelecidos no Mercado Municipal de Curitiba, nos dias mais quentes a procura por frutos do mar dispara. “A excelente qualidade e a diversidade de frutos do mar fazem do Mercado Municipal um dos mais tradicionais comércios de pescados de todo o Brasil”, salienta Schilipack.

O consumo de frutos do mar está associado à alimentação saudável. Espécies como o salmão, o atum, a sardinha, a truta e a cavala possuem alto teor de ômega 3. Este nutriente tem ação anti-inflamatória, o que contribui para reduzir o risco de doenças cardiovasculares.

Além dos frutos do mar, quem for ao mercado municipal pode comprar temperos, frutas e verduras usados nas receitas.

Destaques da Peixaria Keli Mozer

Sardinha inteira por R$ 17,90 (kg)

Abrótea Filé por R$ 38,90 (kg)

Namorado Filé R$ 48,90 (kg)

Truta Limpa por R$ 43,90 (kg)

Sardinha limpa por R$ 24,90 (kg)

Cação Filé por R$ 38,90 (kg)

Camarão Imaruí com cabeça por R$ 59,90 (kg)

Pescadinha por R$ 38,00 (kg)

Destaques da Peixaria Santa Clara

Bolinho de Bacalhau por R$ 30 (bandeja)

Lombo de Bacalhau por R$ 175 (kg)

Tambaqui Inteiro por R$ 35 (kg)

Meia Banda de Tambaqui por R$ 45 (kg)

Destaques da Peixaria São José

Anchova Inteira de R$ 22 (kg)

Lombo Bacalhau Dessalgado por R$ 149 (kg)

Vieira Canadense R$ 380 (kg)

Tainha por R$ 22 (kg)

Posta Robalo por R$ 85 (kg)

Serviço: Feira do Pescado

Local: Mercado Municipal de Curitiba (Av. Sete de Setembro, 1.865 – Centro)

Horário: 8h às 18h de segunda a sábado e das 8h às 13h no domingo

Veja a matéria no site da Prefeitura de Curitiba

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com