Copel doa 21 respiradores e ventiladores para combate à pandemia no Paraná

A Copel está doando 10 respiradores de leito e 11 ventiladores de beira de leito para auxiliar pacientes de Covid-19 na rede pública de saúde do Paraná. O valor da doação é de R$ 1,1 milhão e foi arrecadado na campanha Fatura Solidária. Pela iniciativa, a companhia faz uma doação para o combate à pandemia sempre que um consumidor opta pela fatura digital ou coloca a conta em débito automático.

Foto: Divulgação SESA

“As ações da Copel para minimizar os impactos da pandemia são um esforço conjunto da empresa com os consumidores. Essa união tem um objetivo claro: salvar vidas”, explica o presidente da Copel, Daniel Slaviero.

A Fatura Solidária foi lançada em maio de 2020 e segue em vigência. A cada cliente que opta pela fatura digital, a Copel doa R$ 2 para as ações de combate à Covid-19 no Paraná. Se os clientes cadastrarem a conta de luz no débito automático, são mais R$ 3 doados. A ação não tem custos para o consumidor.

“Neste momento, o Paraná enfrenta um grande desafio para ampliar o atendimento de toda a população. Por isso, a ajuda de todos é imprescindível. Quanto mais pessoas contribuírem, mais recursos conseguiremos destinar para enfrentar a pandemia”, destaca o diretor de Governança, Risco e Compliance da Copel, Vicente Loiácono Neto.

O repasse dos valores e a prestação de contas das instituições estão sendo analisados e devidamente auditados. A companhia segue trabalhando em regime de contingência para garantir a manutenção das operações de seus serviços, essenciais para a economia e a qualidade de vida dos paranaenses.

“Continuamos com mais de 4 mil funcionários atuando em trabalho remoto e permanecemos seguindo medidas restritivas de segurança com as equipes que precisam se manter em campo”, afirma a diretora de Gestão Empresarial da Copel, Ana Letícia Feller.

COMO AJUDAR 

A adesão à fatura digital pode ser feita através da agência virtual, no site www.copel.com ou pelo aplicativo da Copel, disponível gratuitamente nas lojas virtuais Google Play e App Store.

O cadastro de débito automático também pode ser feito pelos canais virtuais de atendimento. No Banco do Brasil, é preciso informar o número do convênio: 13896. Além disso, é importante confirmar com o banco se a adesão foi concretizada e acompanhar os débitos mensalmente.

Clientes da Copel Telecom também participam da campanha ao cadastrar sua fatura de internet em débito automático. Isso pode ser feito na área do cliente, no site www.copeltelecom.com ou pelo telefone 0800 41 41 81.

SUSTENTABILIDADE 

Desde o início da pandemia, a Copel vem atuando em regime de contingência para garantir a prestação de serviços à sociedade. Signatária do Pacto Global da ONU e do movimento paranaense que trabalha pelos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), a empresa também incentiva ações voluntárias, como a doação de 16 toneladas de alimentos à campanha Cesta Solidária por empregados da companhia. A campanha é uma iniciativa do Governo do Estado que tem como objetivo ajudar as famílias paranaenses em situação de vulnerabilidade social, as mais impactadas pela pandemia do novo coronavírus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vacinados contra a covid-19 no Brasil chegam a 35,9 milhões; 17% da população

O Brasil vacinou até esta segunda-feira (10) 35.909.617 pessoas com ao menos a primeira dose da vacina contra a covid-19. Os números são obtidos diariamente pelo consórcio de veículos de imprensa junto às secretarias estaduais de Saúde. A quantidade de pessoas imunizadas representa até aqui 16,96% da população.

Balanço divulgado ontem às 20h pelo consórcio com dados obtidos junto a 25 Estados mostra que 581.772 pessoas receberam a primeira dose. Entre os 35,9 milhões de vacinados, 18.073.591 receberam a segunda dose, o que representa 8,5% da população com a imunização completa; 326.608 pessoas receberam a segunda dose nesta segunda-feira.

No total, os Estados aplicaram 908.380 doses, entre aqueles que foram vacinados pela primeira vez e os que receberam o reforço do imunizante. As autoridades de saúde destacam a importância de os cidadãos retornarem ao posto na data marcada para completar a vacinação e assegurar a proteção contra a covid-19.

Levando em consideração dados relativos à primeira dose, o Rio Grande do Sul tem a vacinação mais avançada do País até esta segunda-feira. O Estado imunizou 21,94% da sua população contra o novo coronavírus. O que tem a menor porcentagem é Roraima, com 10,91% da população vacinada. Em números absolutos, São Paulo lidera com 8,7 milhões de pessoas vacinadas com a primeira dose

Anvisa orienta suspensão de vacina da Astrazeneca para grávidas

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recomendou a suspensão imediata do uso da vacina contra a covid-19 da AstraZeneca/Fiocruz para mulheres gestantes. A orientação está em Nota Técnica emitida pela agência.

A orientação da Anvisa é que a indicação da bula da vacina AstraZeneca seja seguida pelo Programa Nacional de Imunização (PNI). A decisão é resultado do monitoramento de eventos adversos feito de forma constante sobre as vacinas contra a covid-19 em uso no país.

“O uso off label de vacinas, ou seja, em situações não previstas na bula, só deve ser feito mediante avaliação individual por um profissional de saúde que considere os riscos e benefícios da vacina para a paciente. A bula atual da vacina contra a covid-19 da AstraZeneca não recomenda o uso da vacina sem orientação médica”, ressaltou a Anvisa.

A vacina vinha sendo usada em gestantes com comorbidades. Agora, só podem ser aplicadas nas grávidas a Coronavac e a Pfizer.