Conheça o Parque Estadual do Monge

O Parque Estadual do Monge, localizado na Lapa, Região Metropolitana de Curitiba, será reaberto para receber visitantes, a partir deste sábado (20). O local ficou fechado para obras de melhorias a fim de atender às necessidades sanitárias impostas pela pandemia. E devido a reabertura do parque, o Busão preparou essa matéria pra vocês conhecerem melhor o local e marcarem aquele passeio que todo mundo gosta!

Atrações

A Gruta do Monge, local de peregrinação religiosa, é uma das principais atrações do parque. Neste espaço viveu por algum tempo o monge João Maria D’Agostinis, que se dedicava ao estudo das plantas da região, medicava enfermos, fazia profecias e orações. Para chegar à gruta o visitante passa por uma escada em pedra que desce até uma fonte de água pura.

Gruta do Parque do Monge/ Foto: AEN PR
Acesso a Gruta/ Foto: AEN PR

O parque tem também um mirante com estrutura em concreto, piso em deck de madeira ecológica e guarda-corpo metálico que proporciona ampla visão da cidade da Lapa. Os visitantes também podem percorrer trilhas e admirar a Pedra Partida, originada devido ao desgaste ao longo de milhares de anos. O atrativo é considerado pelos visitantes um local onde é possível ver a imagem do monge João Maria D’Agostinis.

Mirante do Parque/ Foto: AEN PR
Trilhas do Parque do Monge/ Foto: AEN PR
Trilhas do Parque do Monge/ Foto: AEN PR
Vista para a cidade da Lapa/ Foto: AEN PR

Quem gosta de praticar a meditação junto à natureza pode aproveitar o Espaço Monge. O parque ainda abriga ainda espécies da fauna como cachorro-do-mato, lobo-guará, irara, furão, lontra, gato-mourisco, cutia, curicaca, garça-vaqueira, jacuaçu, saracura-do-mato, asa-branca, beija-flor-preto e martim-pescador-pequeno.

Espaço Monge/ Foto: AEN PR
Espaço Monge/ Foto: AEN PR

A flora é formada por erva-mate, pinheiro-do-paraná, gerivá, ipê-roxo, carvalho-brasileiro, canela, canela-branca, imbuia, cedro-branco, cambuí e outros.

Os parques estaduais do Paraná estão sendo os destinos mais procurados pela população durante a pandemia e o nosso estado tem atrativos belíssimos, como é o caso do Parque do Monge, um passeio que proporciona o contato com a  natureza e que pode ser aproveitado por toda família!

Parque do Monge na Lapa/ Foto: AEN PR

Melhoria e cuidados com a pandemia

As novas estruturas garantem o cumprimento das normas e orientações estabelecidas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e a secretaria estadual da Saúde para prevenir o contágio da Covid-19.

Assim como todas as Unidades de Conservação do Estado, o Parque do Monge funcionará de acordo com as regras estabelecidas para evitar a proliferação do coronavírus. Entre elas, estão o agendamento e cadastro do visitante, uso de máscaras, álcool em gel e o distanciamento social. Mantenham o cuidado sempre e divirtam-se! 

Como chegar

O Parque Estadual do Monge está localizado a aproximadamente três quilômetros da Prefeitura da Lapa. O acesso é pela Rodovia do Xisto (BR-476) e pela Avenida Getúlio Vargas, no perímetro urbano do município.

Serviço:

Reabertura do Parque Estadual do Monge para visitação

Data: 20/02 (sexta-feira)

Horário: 10 horas

Local: Av. Getúlio Vargas, 51 – Lapa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curitiba abre Cadastramento Escolar de novas crianças e estudantes

Está aberto o cadastramento escolar de crianças e estudantes para as famílias que têm interesse em matricular seus filhos no pré ou no 1º ano do Ensino Fundamental em 2022 e ainda não fazem parte da rede municipal de ensino.

Educação abre Cadastramento Escolar de novas crianças e estudantes.

O prazo segue aberto desde esta segunda-feira (27/9) até o dia 26 de outubro. O cadastramento deverá ser feito via internet, no site.

As matrículas para esse público poderão ser feitas conforme o resultado do cadastramento, de 29 de novembro a 3 de dezembro.

Para quem já está matriculado na rede municipal neste ano, a distribuição das vagas será automática e a família só deverá participar do cadastramento no caso de necessidade de troca de unidade, por exemplo, por mudança de endereço ou preferência por alguma outra escola que tenha vaga disponível.

A repescagem para famílias de crianças e estudantes de pré e 1º ano que perderem os prazos de cadastramento e matrículas será de 13 a 17 de dezembro.

O gerente de Matrículas, Raphael Fernando Antunes Brotto, frisa que esse cadastramento só é necessário para quem não é estudante da rede pública municipal e quer frequentar uma unidade municipal a partir do ano letivo de 2022.

“Quem já é matriculado em alguma unidade do município, segue normalmente o fluxo escolar, ou será direcionado para a unidade mais próxima da atual, bastando a confirmação da rematrícula para o ano seguinte”, esclarece o gerente.

 As famílias poderão indicar de três a cinco opções de unidades. A distribuição de vagas é feita a partir do endereço da família, sendo que a intenção é garantir a matrícula de cada criança na unidade mais próxima de casa.

Confirmação é necessária

O cadastramento não representa a efetivação da matrícula.

Portanto, depois de cadastrar a criança, as famílias devem aguardar o resultado que será disponibilizado por e-mail, acessando o site do Cadastramento Escolar ou em um dos dez Núcleos Regionais de Educação, com as orientações para efetivação da matrícula, o que assegura a vaga na rede.

Em casos de dúvidas, as famílias podem entrar em contato com o NRE da sua região, nos seguintes telefones:

Bairro Novo – (41) 3221-2850

Boa Vista – (41) 3313-5714

Boqueirão – (41) 3313-5559

Cajuru – (41) 3221-2380

CIC – (41) 3221-2922

Matriz – (41) 3313-5842

Pinheirinho – (41) 3313-5444

Portão – (41) 3350-3967

Santa Felicidade – (41) 3221-2578

Tatuquara – (41) 3221-2616
 

Semana começa com 3.491 vagas ofertadas pelas Agências do Trabalhador

As 216 Agências do Trabalhador do Estado ofertam nesta semana 3.491 vagas de empregos com carteira assinada em empresas do Paraná. Destas, 1.458 estão disponíveis nas agências de Curitiba e Região Metropolitana.

As principais vagas disponíveis são para alimentador de linha de produção (275); auxiliar administrativo (255), operador de telemarketing ativo e receptivo (249) e ajudante de carga e descarga de mercadoria (192).

A Agência do Trabalhador de Curitiba disponibiliza vagas, para contratação imediata, para vendedor interno (16 vagas), pizzaiolo (4 vagas), torneiro mecânico (2 vagas), trabalhador de preparação de pescados (1 vaga) e técnico em saúde bucal (1 vaga).

O secretário estadual da Justiça, Família e Trabalho, Ney Leprevost, destaca que a Sejuf tem intensificado o trabalho de captação e intermediação de vagas, procurando estabelecer parcerias com as empresas do Estado. “O melhor programa social que existe é o emprego. O trabalhador precisa ter autonomia e dignidade para sustentar a família”, afirma.

ATENDIMENTOS – Os interessados em algumas das vagas ofertadas devem buscar orientações entrando em contato com a Agência do Trabalhador de seu município. Na capital paranaense, a Agência do Trabalhador de Curitiba voltou a atender o público de forma presencial.

Para evitar aglomeração, e respeitando todas as orientações das autoridades sanitárias, o atendimento é feito somente com horário marcado, das 9h às 17h. Os interessados devem fazer o agendamento pelo site da secretaria através deste LINK.