Conheça alguns golpes na Black Friday e como não cair neles

De acordo com a diretora do Procon-PR, Claudia Silvano, consumidor precisa tomar alguns cuidados antes de fazer suas compra

Estamos a poucos dias da Black Friday Brasil, que é uma das datas mais esperadas do ano pelo consumo. No entanto, antes de fazer as suas compras e aproveitar as generosas ofertas que estão no mercado, é importante que o consumidor fique atento para que não caia em nenhum golpe. Em entrevista a Banda B, a diretora do Procon-PR, Claudia Silvano, afirmou que é possível fazer uma compra sem entrar em qualquer prejuízo financeiro. No entanto, a especialista alerta que “todo cuidado é pouco”.

Apesar do aumento nas compras pela internet, Claudia ressalta que o consumidor não pode deixar deixar de fazer pesquisas de preços em lojas físicas. O ideal é que ele acompanhe o preço de determinado produto durante um certo período. Segundo ela, buscadores como Zoom e Buscapé dão a variação do preço de cada produto por tempo. A especialista firma que a grande questão é saber se o preço publicado por uma grande plataforma de comércio eletrônico está realmente menor do que antes. “Nem sempre os preços praticados pela internet são os mais atrativos, os mais baixos, isso deve ser cuidado para que o consumidor não caia em uma falácia“, diz Claudia.

A diretora do Procon também destaca que o consumidor deve ter cuidado com links falsos recebidos nas redes sociais, emails, whatsapp, por que eles podem remeter a um site falso. Além disso, pagar com boletos em sites falsos também é complicado, já que não é possível recuperar o dinheiro depois.

Para identificar se um site é falso, Claudia aponta que é importante prestar atenção em detalhes como a grafia no nome do site. Ao invés de clicar no link, o ideal é digitar o nome da empresa no navegador do consumidor. Além disso, o cadeado que é um símbolo de segurança nos sites também precisam estar presentes. Os sites falsos também não aceitam pagamento por cartão de crédito, apenas por boleto. “Há fraudes que são sofisticadas então tem que ficar de olho porque a chance de o consumidor levar prejuízo é enorme“, sustenta a Claudia Silvano.

Denúncias

Para denunciar preços abusivos, ela orienta que o consumidor acesse o site do Procon (PR). Logo que entrar no site, vai descer um banner e o consumidor terá vários canais de atendimento a sua disposição.

Informações AEN.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nível de reservatórios melhora e rodízio da RMC terá mais um dia com água

A Sanepar acrescentará mais um dia com água no rodízio da Região Metropolitana de Curitiba a partir de segunda-feira (17). O tempo de abastecimento será de três dias e meio (84 horas com água) e até 36 horas de suspensão. Este novo modelo é possível devido à elevação do nível das barragens do Sistema de Abastecimento Integrado de Curitiba e Região Metropolitana (SAIC), que chega nesta sexta-feira (14) a 73,81%.

A tabela do rodízio no novo modelo já tem a programação até 28 de janeiro (confira AQUI ).

As chuvas deste início de ano têm reforçado a recuperação dos reservatórios, iniciada gradualmente a partir de outubro e que vem mantendo o nível médio acima dos 70%, a partir de 6 de janeiro, maior patamar desde a implantação do rodízio em março de 2020. A expectativa da Companhia é manter este modelo até que as barragens atinjam o nível médio de 80% e seja então possível suspender o rodízio.

Segundo Claudio Stabile, diretor-presidente da Sanepar, a preocupação é com a sustentabilidade de médio e longo prazos. “O esforço da Companhia e também da população que tem nos ajudado a manter a META20 com o uso racional da água permitiu essa nova flexibilização no sistema de rodízio”, afirma.

Em 2021, o País viveu a pior seca em 91 anos. O Paraná tem sido afetado pela crise hídrica desde 2020, quando os reservatórios atingiram níveis mínimos históricos. O estado está sob Decreto de Emergência em todo o seu território devido à estiagem.

EXCEÇÕES – Em parte das cidades de Almirante Tamandaré e Colombo, o rodízio segue em horários diferentes por serem regiões abastecidas por sistemas isolados, e não pelo SAIC. Em Almirante, o abastecimento é feito também pelo Rio Barigui; e, em Colombo, por poços do aquífero Karst. Os horários podem ser consultados em tabela divulgada no site da Sanepar www.sanepar.com.br.

Matinhos adota exigência de ‘passaporte da vacina’ e de imunização de todos os servidores

Com o avanço dos casos de Covid-19 e da Influenza no Litoral do Paraná, a Prefeitura de Matinhos determinou a adoção do ‘passaporte da vacina’ na cidade e a obrigatoriedade da imunização para todos os servidores municipais. As novas regras foram publicadas, nesta quarta-feira (12), em três decretos com medidas de prevenção contra as doenças.

O decreto n.º 946 disponibiliza a lotação dos cargos comissionados da administração municipal à disposição da Secretaria da Saúde. Já o decreto n.º 947 estabelece a apresentação de comprovante de vacinação contra Covid-19 para entrar em espaços públicos e privados de uso coletivo em todo o território de Matinhos.

Sobre a obrigatoriedade da vacinação contra Covid-19 e Influenza a todos os servidores do Poder Público Municipal, a determinação está no decreto n.º 948.

Alta de casos

As novas medidas levam em conta a alta dos casos positivos para Covid-19 entre os dias 23 de dezembro e 10 de janeiro, o crescimento no número de pacientes positivados para os vírus da Influenza e também os casos de coinfecção de Covid-19 e Influenza na cidade.

Os decretos passam a valer imediatamente no município. Novos decretos com medidas restritivas devem ser editados nos próximos dias, em reforço às medidas já adotadas.