Conheça a Colônia Witmarsum, cultura e história da Alemanha pertinho de Curitiba

Visitar a Colônia Witmarsum faz com que você se sinta em um pequeno vilarejo da Alemanha. A comunidade tradicional de aproximadamente 2 mil habitantes, fica localizada na cidade de Palmeira, a 60 km da capital Curitiba. 

O passeio até Witmarsum é ideal para os moradores de Curitiba e região, o estilo bate-volta. A arquitetura, gastronomia e os costumes dos moradores da colônia possuem traços fortes da cultura germânica, herança deixada pelos imigrantes que chegaram no Paraná nos anos 30. 

No local fica o Museu de História Witmarsum, parada obrigatória para quem deseja conhecer mais da cultura alemã, ver fotos, móveis e roupas da época da imigração. Na colônia os visitantes também podem desfrutar de boa gastronomia, com diversas opções de restaurantes e cafés, todos com comidas típicas.

Museu de História Witmarsum. Foto: Andressa Xavier Pellanda
Um dos restaurantes da região com comidas típicas. Foto: Andressa Xavier Pellanda

Já as crianças podem se divertir na Poneyland, local que oferece passeios de pônei, cavalo, trator, pedalinho e, também pescaria. Passeios a partir de 10 reais. E a minifazenda Witmarzoo, onde as crianças podem ter contato com filhotes de cabras, brincar em uma tirolesa infantil, andar de trator, passear com pônei e alimentar galinhas. O preço é a partir de R$20 já incluindo acesso a todas as atividades da mini fazenda.

A Poneyland. Foto: Andressa Xavier Pellanda

No caminho para Colônia Witmarsum os visitantes passam antes pelo Recanto dos Papagaios, um parque público que tem um riacho e uma piscina natural. Pode ser uma parada divertida durante o passeio. 

Recanto dos Papagaios. Foto: Andressa Xavier Pellanda

Como chegar: Para quem sai de Curitiba deve pegar a BR-277 sentido Ponta Grossa, depois do pedágio, vai passar pela Polícia Rodoviária e deve entrar à direita em direção à cidade de Palmeira. Fazendo esse caminho vai passar pelo Recanto dos Papagaios e já vai enxergar as placas indicativas para a Colônia Witmarsum.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Qual linha de ônibus de Curitiba define sua vida amorosa?

Qual linha de ônibus de Curitiba define sua vida amorosa?

Pra começar, escolha um lugar para o primeiro date

 

Shopping Estação
Rua XV
Terminal Boqueirão
Casa do crush
Largo da Ordem
Suite com estaçaõ tubo do motel Le Piège

Agora, um restaurante romântico para o dia 12

Paris 6
Terraza 40
Calabouço
Copo sujo
Feirinha do Largo da Ordem
Bar do Didi

Sua balada preferida

James Bar
WS Brasil
+55
Adelsom Club Show
Victoria Villa
Verdant

Por fim, um doce de terminal para levar dar seu (sua) crush

Bala de iogurte
Paçoca
Maria mole
Doce de abóbora coração
Canudo de doce de leite
Moranguete

Todas as 4 perguntas concluídas!


Compartilhe o resultado:

Qual linha de ônibus de Curitiba define sua vida amorosa?

Quer receber mais Busão Buzz?

Receba por e-mail os testes que publicamos por aqui!
Sem SPAM no Terminal, piá!

Com bandeira laranja, museus do Estado reabrem a partir desta quinta

Depois de nove dias de restrições rígidas, os museus do Estado que ficam na capital paranaense reabrem suas portas ao público a partir desta quinta-feira (10). As medidas indicadas pelo Decreto 960/2021 (bandeira laranja) permitem visitação com horários especiais, mantendo as exigências de distanciamento social e todos os demais cuidados sanitários. O novo decreto vale até o dia 16 de junho.

Espaços como o Museu Oscar Niemeyer, Museu de Arte Contemporânea do Paraná, Museu Paranaense, Museu Casa Alfredo Andersen, Museu da Imagem e do Som do Paraná já estão preparados para novamente receberem seus públicos com importantes medidas de segurança.

Museu Alfredo Andersen – Foto: Marcelo Almeida

“Uma série de protocolos foi adotada para possibilitar a reabertura dos museus neste período, como a limitação do número de pessoas para garantir um distanciamento seguro na circulação interna”, afirma a superintendente-geral da Cultura, Luciana Casagrande Pereira.

Todo o material impresso dos espaços, como guias e folders, foi substituído por versões digitais, que estão disponíveis através de QR Codes em pontos estratégicos dos locais, e o uso de máscara é sempre obrigatório, tanto para o público quanto para o corpo técnico da Cultura.

Museu Oscar Niemeyer (MON)

De segunda a sábado, das 10h às 18h

Ingressos: R$ 20 e R$ 10 (meia-entrada)

Rua Marechal Hermes, 999 – Centro Cívico

www.museuoscarniemeyer.org.br

Museu de Arte Contemporânea do Paraná (MAC-PR)

De segunda a sábado, das 10h às 18h

Funcionamento temporário nas salas 08 e 09 do MON

Ingressos: R$ 20 e R$ 10 (meia-entrada)

Rua Marechal Hermes, 999 – Centro Cívico

www.mac.pr.gov.br

Museu Paranaense (MUPA)

Reabertura a partir de sábado (12/06)

De terça a sábado, das 10h às 17h30

Entrada gratuita. Para entrada aos sábados, é necessário agendar sua visita previamente pelo Sympla (https://www.sympla.com.br/museuparanaense)

Rua Kellers, 289 – Alto São Francisco

www.museuparanaense.pr.gov.br

Museu Casa Alfredo Andersen (MCAA)

De terça a sábado, das 10h às 17h. Nos sábados, das 10h às 16h

Entrada gratuita

Rua Mateus Leme, 336 – Centro

www.mcaa.pr.gov.br

Museu da Imagem e do Som do Paraná (MIS-PR)

De terça a sábado, das 10h às 17h

Entrada gratuita

Rua Barão do Rio Branco, 395 – Centro

www.mis.pr.gov.br