Confira as sequências que serão lançadas pela Netflix nos próximos dias

O mês de julho chegou com diversas novidades para os fãs de séries, filmes e documentários: serão lançadas mais de 50 produções no catálogo da Netflix, entre elas várias sequências de obras originais da plataforma de streaming. As opções vão desde séries de drama, como a temporada final de “As Telefonistas”, até desenhos infantis para assistir com a família toda. Confira uma lista especial com algumas estreias que acontecem nos próximos dias e anote para não perder nenhuma.

10/07 – Oi Ninja (Temporada 3)

Wesley, Georgie e o gato Pretzel se transformam em ninjas e entram em um mundo mágico, onde eles são os heróis que resolvem todos os problemas. Agora, os ninjas aventureiros vão aprender novos katas e visitar a cidade de Osaka, no Japão.

18/07 – Lista Negra (Temporada 7)

O drama policial se concentra em um dos fugitivos mais procurados do FBI, Raymond “Red” Reddington (Spader), que se entrega às autoridades e oferece ajuda para resolver diversos casos. Na 7ª temporada, o protagonista se encontra sozinho em território hostil, cercado por velhos inimigos e possivelmente novos aliados.

21/07 – Como vender drogas online (rápido) (Temporada 2)

Para recuperar a ex-namorada, um adolescente nerd começa a vender ecstasy de forma online. Em pouco tempo, ele se torna um dos maiores traficantes da Europa. Agora, Moritz e o pessoal do MyDrugs apostam cada vez mais alto. Mas quanto maior o sucesso, mais perigos eles terão que encarar.

26/07 – Good Girls (Temporada 3)

Três pacatas donas de casa bolam um roubo para sair do buraco e conquistas a independência. Na 3ª temporada, as mais novas criminosas da cidade precisam enfrentar as consequências das aventuras vividas até o momento.

31/07 – The Umbrella Academy (Temporada 2)

Com a morte do pai, irmãos com poderes extraordinários se reencontram e descobrem surpreendentes segredos de família, entre eles uma possível ameada à humanidade. Agora, os superpoderosos irmãos voltam para mais aventuras na segunda temporada.

31/07 – Vis a Vis: El Oasis

Após cancelada a 5ª temporada de “Vis a Vis”, a Netflix anunciou a criação de uma série derivada. “Vis a Vis: El Oasis” dará sequência direta aos acontecimentos da série original. Dessa vez, Zulema e Macarena convocam mais quatro mulheres para dar um último golpe milionário no casamento de uma família de traficantes.

Oscar 2021: Confira a lista completa dos vencedores

A maior festa do cinema mundial chegou a sua 93ª edição. A cerimônia de entrega do Oscar 2021 aconteceu na noite deste domingo (25) e precisou ter seu formato modificado por causa da pandemia.

Veja a lista dos vencedores do Oscar 2021:

MELHOR FILME

Nomadland

MELHOR ATRIZ

Frances McDormand – Nomadland

MELHOR ATOR

Anthony Hopkins – Meu Pai

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE

Yuh-Jung Youn – Minari – Em Busca da Felicidade

MELHOR ATOR COADJUVANTE

Daniel Kaluuya – Judas e o Messias Negro

MELHOR DIREÇÃO

Chloé Zhao – Nomadland

MELHOR FILME INTERNACIONAL

Druk – Mais uma Rodada (Dinamarca)

MELHOR ROTEIRO ADAPTADO

Meu Pai

MELHOR ROTEIRO ORIGINAL

Bela Vingança

MELHOR FIGURINO

A Vos Suprema do Blues – Ann Roth

MELHOR TRILHA ORIGINAL

Soul – Trent Reznor, Atticus Ross e Jon Batiste

MELHOR ANIMAÇÃO

Soul

MELHOR CURTA

Two Distant Strangers

MELHOR CURTA DE ANIMAÇÃO

Se Algo Acontecer… Te Amo

MELHOR DOCUMENTÁRIO

Professor Polvo

MELHOR DOCUMENTÁRIO EM CURTA-METRAGEM

Colette (Time Travel Unlimited)

MELHOR FOTOGRAFIA

Mank

MELHOR MONTAGEM

O Som do Silêncio

MELHOR CABELO E MAQUIAGEM

A Voz Suprema do Blues

MELHOR CANÇÃO ORIGINAL

Fight for You – Judas e o Messias Negro

MELHOR DESIGN DE PRODUÇÃO

Mank

MELHORES EFEITOS ESPECIAIS

Tenet

MELHOR SOM

O Som do Silêncio

Confira os destaques do 9º Olhar de Cinema – Festival de Curitiba

O 9º Olhar de Cinema – Festival Internacional de Curitiba acontece em um formato diferente este ano, de 7 a 15 de outubro. Ser online é uma novidade, mas a inspiração e o cuidado da seleção de filmes continuam os mesmos, com o diferencial de que nesta edição todo o país tem a oportunidade de conhecê-la. 

A Mostra Outros Olhares mescla em sua seleção longas e curtas-metragens ainda inéditos e filmes que já possuem uma trajetória em festivais e mostras internacionais recentes. São várias propostas, estilos, linguagens e abordagens feitos em torno de uma série de extremidades que reflete o mundo atual.

Fazem parte da seleção de longas-metragens os brasileiros inéditos O Índio Cor de Rosa, de Tiago Almeida, e A Flecha e a Farda, de Miguel Antunes Ramos, além de O Reflexo do Lago, que esteve na seleção Festival de Berlim. Da Berlinale também chegam o indiano Crônica do Espaço, de Akshay Indikar, a co-produção França, Bélgica e Burkina Faso, Traverser (Após a Travessia), dirigido por Joël Akafou, e o longa argentino Responsabilidade Empresarial, de Jonathan Perel. 

Do FIDMarseille chega a co-produção Eslovênia e República Tcheca, Oroslan, de Matjaz Ivanisin, do NY Film Festival vem Trouble, uma co-produção entre Estados Unidos e Reino Unido dirigida por Mariah Garnett e, por fim, o longa chileno Visão Noturna, dirigido por Carolina Moscoso Briceño.

Curtas de todos os lugares

A seleção de curtas-metragens também traz um recorte na nova produção brasileiro, com os títulos Manual do Zueiro Sem Noção, de Joacelio Batista; Memby, de Rafael Castanheira Parrode e Rafameia, de Mariah Teixeira e Nanda Felix. Representantes de vários outros países também estão na seleção, como Irã, Argentina, Camboja, Cuba e Rússia.

Sobre o Olhar de Cinema

O Olhar de Cinema é um festival que busca destacar e celebrar o cinema independente produzido no mundo. São propostas estéticas inventivas, envolventes e com comprometimento temático, que abrange desde a abordagem de inquietações contemporâneas acerca do micro universo cotidiano de relacionamentos, até interpretações e posicionamentos sobre política e economia mundial.

A seleção apresenta ao público filmes que se arriscam em novas formas de linguagem cinematográfica, que estão abertos ao experimentalismo e que, ainda assim, possuem um grande potencial de comunicação com o público.

Nesta edição, serão seis mostras: Mostra Competitiva, Novos Olhares, Outros Olhares, Olhares Brasil, Exibições Especiais e Mirada Paranaense.

O 9º Olhar de Cinema – Festival Internacional de Cinema conta com apoio da Copel, Governo do Estado do Paraná, Ademilar, Lojacorr, incentivo da Lei de incentivo à cultura, Fundação Cultural de Curitiba, Prefeitura de Curitiba e PROFICE.

Confira a lista completa de selecionados para a mostra:

OUTROS OLHARES

Longas-metragens

Oroslan (Oroslan, Eslovênia, República Tcheca, 71 min.), de Matjaz Ivanisin

Responsabilidade Empresarial (Responsabilidad Empresarial. Argentina, 68 min.), de Jonathan Perel

Quem Tem Medo de Ideologia? (Who Is Afraid of Ideology?, Líbano, Siria, Curdistão iraquiano, 57 min.), de Marwa Arsanios;

Traverser (Após a Travessia) (Traverser [After the Crossing], França, Bélgica, Burkina Faso, França, Bélgica, Burkina Faso, 77 min.), de Joël Akafou;

Crônica do Espaço (Sthalpuran [Chronicle of Space], Índia, 86 min.) de Akshay Indikar;

Trouble (Estados Unidos, Reino Unido, 82 min.), de Mariah Garnett;

O Reflexo do Lago (Brasil, 80 min.), de Fernando Segtowick.

O índio Cor de Rosa (Brasil, 71 min.), de Tiago de Almeida.

A Flecha e a Farda ( Brasil, 90 min.), de Miguel Antunes Ramos.

Visão Noturna (Visión nocturna, Chile, 80 min.), de Carolina Moscoso Briceño

Curtas-metragens

Manual do Zueiro Sem Noção (Brasil, 16 min.) de Joacelio Batista;

Memby (Brasil, 15 min.) de Rafael Castanheira Parrode;

Rafameia (Brasil, 24 min.) de Mariah Teixeira, Nanda Felix;

Inner Self (Nahan, Irã, 15 min.) deMohammad Hormozi;

Playback. Ensaio de uma Despedida (Playback. Ensayo de una despedida, Argentina, 14 min.) de Agustina Comedi;

Alienígena (REONGHEE, África do Sul, 15 min.) de Jegwang Yeon;

Sonho Californiano (Soben California, Cambodja, 16 min.) de Sreylin Meas;

Garotas Crescem Desenhando Cavalo (Girls grow up drawing horses, EUA, 7 min.) de Joanie Wind;

Mary, Mary, So Contrary (Singapura, 15 min.) de Nelson Yeo;

As Chamas do Sol (Las llamas del sol, Espanha, 12 min.) de Pepe Sapena;

Botões Dourados (Zolotye Pugovitzi (The Golden Buttons), Russia, 19 min.), de Alex Evstigneev;

Os Meninos Lobos (Los niños lobos, Cuba, 18 min.) de Otávio Almeida;

Rio Solitários (Lonely Rivers, Espanha, França, 28 min.) de Mauro Herce.

SERVIÇO


9º Olhar de Cinema – Festival Internacional de Curitiba

De 7 a 15 de outubro

No site do Olhar de Cinema


R$ 5 por filme

Dinâmica das sessões

Os filmes serão exibidos no próprio site do Olhar de Cinema. Cada título estará disponível até às 23h59 da data divulgada na programação. A venda de ingressos para todas as sessões começa no dia 23 de setembro e o número de ingressos para cada filme é limitado.