Com aperto de mãos e abraços proibidos, Colégio Militar de Curitiba vai retomar aulas presenciais dia 21

Decisão foi comunicada aos pais e alunos com retorno gradual

A direção do Colégio Militar de Curitiba (CMC) anunciou em seu site que as aulas presenciais serão retomadas a partir da próxima segunda-feira (21). Em comunicado aos pais e alunos, o diretor do CMC,  Coronel Guilherme Azambuja Carrilho do Rego Barros, explica que a retomada será gradual e com total segurança. No calendário apresentado, nas próximas semanas as aulas do Ensino Médio serão retomadas de forma presencial nas segundas, quartas e sextas. Já o Ensino Fundamental, às terças e quintas (Veja AQUI o calendário)

O acesso será apenas por um portão, sem catraca e como “supervisão cerrada de supervisores” para garantir normas de higiene e distanciamento de dois metros. Qualquer tipo de contato físico está proibido.  “Não deve haver, sob qualquer hipótese, apertos de mão ou abraços”, diz o comunicado que informa ainda que a cantina do CMC estará fechada.

Preocupação

Em seu discurso na manhã desta quarta-feira (16), durante sessão remota na Assembleia Legislativa do Paraná, o deputado Requião Filho (MDB) demonstrou preocupação com a atitude precoce do CMC, que, segundo ele,  comprometerá a saúde de mais de 1000 alunos e cerca de 350 funcionários.

“Estamos encaminhando um pedido de providências ao MPF e ao MPT, além de um requerimento para o Governador, para que seja montada uma comissão que acompanhe essa decisão aleatória. É necessário que se justifique esse retorno presencial precoce”. “Também estamos requerendo ao Governador que intervenha junto ao Governo Federal para suspender esta medida precoce. E da mesma forma, esperamos que os 200 colégios cívico-militares prometidos no Paraná, com todo o respeito, não tenham condutas como estas futuramente, comprometendo a saúde de servidores e da crianças”, afirmou.

Retomada no Paraná

Nas escolas estaduais, não há previsão de retorno das aulas presenciais até o momento. Ainda assim, no sábado (12), em assembleia on-line da APP-Sindicato,  professores(as) e funcionários(as)  da rede estadual e das redes de 209 municípios do Paraná aprovaram a realização de “greve em defesa da vida”, contra a retomada das aulas presenciais durante a pandemia do novo coronavírus.

Nas escolas municipais de Curitiba, a princípio, a data de retorno gradual está mantida em 30 de setembro, mas poderá haver alteração.

Nas escolas particulares de Curitiba, desde a última segunda-feira (14), a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) autorizou a retomada das atividades presenciais extracurriculares. A medida envolve uma série de regras e a  depende da decisão de cada unidade. A autorização não estabelece a retomada das aulas presenciais, mas libera atividades prática de esporte, aulas de idiomas, música,  além de atividades individuais de apoio às aulas virtuais e atendimentos pedagógicos individuais, entre outras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Universidade presta auxílio jurídico gratuito e online durante pandemia

Núcleo de Prática Jurídica da Universidade Positivo já atendeu mais de 500 pessoas durante a pandemia

Com o objetivo de garantir o direito ao acesso à Justiça, mesmo durante a pandemia, o Núcleo de Prática Jurídica (NPJ) da Universidade Positivo (UP) está atendendo remotamente. Universitários do curso de Direito, sob supervisão de professores e advogados, prestam atendimento jurídico gratuito à população de Curitiba via e-mail, telefone e WhatsApp.

Com quatro postos de atendimento em Curitiba, instalados no câmpus sede – Ecoville e Santos Andrade, da Universidade Positivo, e nos Juizados Especiais Cíveis e Federais, o NPJ-UP mantém a execução dos termos de cooperação que tem com os órgãos do Poder Judiciário, ofertando um canal para que o atendimento à população continue acontecendo neste momento de isolamento social. “Entretanto, mesmo que seja possível realizar a petição sem advogado nos Juizados, muitas pessoas não sabem como os pedidos devem ser formulados e, consequentemente, ficam sem o adequado acesso à Justiça. Por isso, esse serviço, que alia tecnologia e o nosso compromisso com o ensino para o desenvolvimento sustentável, é fundamental neste momento”, explica. 

Em pouco mais de três meses de funcionamento remoto, mais de 500 pessoas já foram atendidas por meio do serviço gratuito. Para Thaís, considerando o atual momento e que o atendimento não pôde ser presencial, é um resultado excelente. “O alcance de tantas pessoas em tão pouco tempo superou nossas expectativas. Toda a equipe está satisfeita com o apoio prestado à população na promoção do acesso à justiça”, revela. 

O Núcleo de Prática Jurídica da Universidade Positivo atua nas áreas de Direito Penal, Direito Previdenciário e Direito Civil e de Família. Questões sobre pensão alimentícia e divórcio são as mais buscadas pela população. Em razão da pandemia, o NPJ também presta auxílio jurídico para demandas relativas ao auxílio emergencial. “Além disso, a pandemia impactou nas relações contratuais, como aluguéis, mensalidades de instituições de ensino privadas, academia, entre outros. Em todos esses temas, estamos prontos para ajudar a comunidade”, finaliza a supervisora. 

Serviço

Núcleo de Prática Jurídica Universidade Positivo

Residentes no CIC, Gabineto, e casos de auxílio emergencial (Curitiba e região metropolitana) | Telefone ou WhatsApp Business: 3317-3232 e administrativonpj@up.edu.br

Residentes no Centro e atendimento dos Juizados Especiais Cíveis (Ahú) | Telefone ou WhatsApp Business: 3526-6908 e npj.santosandrade@up.edu.br

Atendimento dos Juizados Especiais Federais | npjjef@up.edu.br

Agentes da Setran terão novo uniforme e viaturas também vão mudar em Curitiba

O trabalho de repaginação dos uniformes e das viaturas da Setran foi devido ao Dia Nacional do Agente da Autoridade de Trânsito, comemorado nesta quarta-feira (23)

Para comemorar o Dia Nacional do Agente da Autoridade de Trânsito, os fiscalizadores da Superintendência de Trânsito (Setran) de Curitiba ganharam uma nova identidade visual. A data simbólica, que acontece nesta quarta-feira (23), trouxe mudanças nos uniformes e na plotagem da viaturas usadas pelos agentes no trânsito da capital e pelos que verificam a utilização adequada do Estacionamento Regulamentado (EstaR).

Em entrevista exclusiva à Banda B, o secretário municipal de Defesa Social e Trânsito, Guilherme Rangel, revelou que a mudança tem dois objetivos. “Os uniformes vêm para garantir uma maior visibilidade dos agentes, mas também para criar uma identidade visual e fazer com eles sejam reconhecidos pela população. Além disto, tem a segurança deles visto que vários usam motocicletas, por exemplo”, destacou.

Homenagem

Ainda nesta quarta-feira (23), os agentes de trânsito participaram de um evento na Setran e receberam uma homenagem. De acordo com Rangel, é uma forma de reconhecimento do trabalho dos agentes.

Foto: Daniel Castellano

“Sem dúvida nenhuma, eles são de grande relevância, uma vez que eles atuam diariamente na segurança viária com o intuito de salvar vidas, de organizar o nosso trânsito. Então, fizemos uma homenagem a estes profissionais que tanto lutam para garantir um trânsito seguro a todos nós”, concluiu à Banda B.

Informações Banda B.