Atleta curitibana é indicada a prêmio internacional

A atleta curitibana Mariana Chevalier, 16 anos, beneficiária do Programa Municipal de Incentivo ao Esporte da Prefeitura de Curitiba, foi indicada nesta segunda-feira (4/1) para o prêmio WOWSA Awards 2020 na categoria de Performance do Ano em provas de Águas Abertas, organizado pela Associação Mundial de Natação em Águas Abertas (World Open Water Swimming Association– WOWSA)

O prêmio reúne diversos atletas de todo o mundo que participam de provas da Natação em Águas Abertas e que tiveram suas performances em destaque ao longo do ano 2020. Mariana é a única brasileira indicada e teve sua escolha com base na performance alcançada durante a tradicional prova da Travessia do Leme ao Pontal, no Rio de Janeiro, ao completar os 36 Km de entensão em 9 horas e 42 minutos, sendo a nadadora mais nova a concluir este percurso em águas abertas.

A atleta curitibana Mariana Chevalier, 16 anos, beneficiária do Programa Municipal de Incentivo ao Esporte da Prefeitura de Curitiba, foi indicada para o prêmio WOWSA Awards 2020. Fotos: Divulgação/ LPSA (Leme to Pontal Swimming Association)

Para votar na atleta basta acessar o site da WOWSA e votar em Mariana Chevalier. Ao selecionar a atleta, é necessário o preenchimento de um email válido, para onde será encaminhado um código de ativação, que deve ser utilizado para concluir a votação.

Do Leme ao Pontal

A travessia de Mariana Chevalier iniciou às 2h02 da manhã do dia 14 de março de 2020. Durante o período noturno, a nadadora teve que superar contínuos enjoos que geravam grandes desconfortos para a jovem nadadora que se mantinha determinada a manter o ritmo de braçada acima de 60 por minuto.

Ao final, com o tempo de 9 horas e 42 minutos, a atleta se tornou a 31ª a finalizar na modalidade solo, estabelecendo a terceira melhor marca entre as mulheres na história do desafio.

Outras conquistas

Mariana começou a nadar aos 8 anos e desde 2018 é beneficiária do Programa Municipal de Incentivo ao Esporte de Curitiba. Atualmente treina no Clube Curitibano com o acompanhamento do treinador Júlio Wood Saldanha.

A atleta curitibana, no dia 30 de junho de 2020, se tornou também a brasileira mais jovem a concluir a travessia do Canal da Mancha. A maratona aquática de 33,3 quilômetros que liga a Inglaterra à França é um dos desafios mais famosos da natação mundial.

Após esta conquista, Mariana foi recebida pelo prefeito Rafael Greca em seu gabinete, que parabenizou a curitibana que orgulha a cidade com as conquistas em águas abertas de todo o mundo. Na ocasião, o Secretário Municipal do Esporte, Lazer e Juventude, Emilio Trautwein, entregou para a atleta uma bandeira do Brasil que pertenceu à Dailza Damas, uma das pioneiras brasileiras na natação de águas abertas e que também concluiu a travessia do Canal da Mancha em 1992.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.