Artistas instalam casa de crochê na Rua da Cidadania da Matriz

Uma casa de crochê foi instalada na Rua da Cidadania da Matriz e abrigará aulas gratuitas de crochê, bordado, contação de história e outras atividades. Curitiba, 12/09/2022. Foto: Hully Paiva/SMCS

Uma casa de crochê atrai a atenção de quem circula pelo Mercado Central, na Rua da Cidadania da Matriz. A instalação artística de 3,5 metros de largura por 4,40 de altura foi feita a 20 mãos e até dia 8 de outubro abrigará aulas gratuitas de crochê, bordado, contação de história e outras atividades (programação abaixo).

A Casa de Todos, aberta nesta segunda-feira (12/9), Dia do Crochê, é um projeto idealizado pela artista visual Leila Alberti. A instalação é formada por aproximadamente 400 peças de crochê feitas por artistas e crocheteiras do coletivo Lucianas & Marias. 

“Eu faço um pouco de crochê com o que vejo na internet e aqui tenho a chance de aprender ao vivo, estou aproveitando para tirar uma dúvidas”, disse Sueli Luz dos Santos, dona de casa, que passou pelo local nesta segunda..

Crocheteiras

Ao colocar a instalação em um espaço público de grande circulação, a artista busca a interação das pessoas com a arte e dar visibilidade ao trabalho manual das crocheteiras. 

“São manualidades antigas e potentes que merecem ser reconhecidas e valorizadas pela sociedade”, diz Leila. A artista plástica, que começou na pintura, há 12 anos desenvolve projetos e trabalhos no universo da arte têxtil.  

Leila conta ainda que a ideia da instalação surgiu dentro da Rua da Cidadania da Matriz, durante um curso de crochê que ela fez em 2018.

“Enquanto fazia o curso ficava admirando a beleza desse lugar, da arquitetura, e pensando em como colocar uma obra minha aqui dentro. Amadureci a ideia de fazer um projeto coletivo e nada mais convidativo que uma casa, lugar de abrigo, de refúgio do coração e da alma, onde se pode trocar experiências”, disse Leila.

Dentro da casa são oferecidas ao público algumas práticas, como contação de histórias, meditação e oficinas de crochê, todas coordenadas por profissionais das áreas. Os participantes poderão conhecer aspectos que relacionam arte têxtil, história, registro, comunicação e sustentabilidade.

Serviço: instalação A Casa de Todos

Local: Rua da Cidadania Matriz (Praça Rui Barbosa, 101)

Funcionamento: até 8 de outubro: de segunda a sexta, das 8h às 19h, e sábado, das 8h às 15h

Cronograma de oficinas

Crochê solidário com Giovana Casagrande

Segundas, das 13h30 às 15h

Oficina de Crochê com Luciana Muniz

Segundas e quintas, das 15h às 17h

Sábados, das 10h às 12h

Bordado Solidário com Luciana Muniz

Sextas: das 13h30 às 16h 

Contação de histórias com Hélio Leites

Terças: das 11h às 12h 14h às 15h

Quartas: das 10h30 às 11h30

Sábados: 13h30 às 14h30

Meditação, com Renato Barbosa e Leila Tatara

Segundas: das 10h às 10h40

Terças: das 10h às 10h40 e das 16h15 às 16h55

Quintas: das 10h às 10h40

Sextas: 16h15 às 16h55

Oficina de Manualidades com Leila Alberti

Quartas: das 13h30 às 16h30

Dança Circular com Zenilda Pereira Ammar

Quintas: das 14h às 15h

Conversas sobre Manualidades Têxteis com vários artistas

Sextas: 10h às 11h30 

Importante:

Haverá sempre um responsável no local e mais um auxiliar para organizar as inscrições no local.

– As ações abrangem o público em geral (sem restrição de idade)

– Crianças devem estar acompanhadas de adultos responsáveis

– Na oficina de crochê cada participante receberá um kit contendo: fios e agulha de

Veja a matéria no site da Prefeitura de Curitiba

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mercado Municipal Capão Raso tem aula de patinação gratuita em outubro

Mercado Municipal Capão Raso tem aula de patinação gratuita em outubro. Curitiba, 30/09/2022. Foto: Ricardo Marajó/SMCS

A partir deste sábado (1/10), tem aula de patinação gratuita no Mercado Municipal Capão Raso (MMCR). O evento, batizado de Bora Patinar, vai até 28 de outubro e faz parte das comemoraçõs do mês da criança.

As aulas gratuitas de patinação são para crianças e adultos de todas as idades com a presença de professor regulamentado e monitores. Além disso, haverá kits especiais com patins e equipamentos de proteção gratuitos para uso durante as aulas.

A iniciativa do Mercado Municipal Capão Raso se soma às demais que a Prefeitura vem promovendo no âmbito do Curitiba Viva Bem, um conjunto de políticas públicas para promoção da saúde, bem-estar e qualidade de vida da população.

Centro de compras no bairro

O Mercado Municipal Capão Raso tem 89 lojas, oito bancas e quatro quiosques. O local permite a integração com o Terminal Capão Raso, que fica ao lado, por meio do cartão-transporte da Urbs.

O passageiro que sai do terminal pode acessar o mercado pela cabine de integração, fazer suas compras e retornar ao terminal, sem que seja necessário pagar uma nova tarifa dentro de um período de duas horas.

Serviço

As aulas acontecem de segunda a sexta-feira, das 15h às 21h, e aos sábados, das 11h às 21h, na Rua Otto Cabel, 51, Novo Mundo.

Curitiba Viva Bem é uma política pública e uma das principais agendas da gestão do prefeito Rafael Greca, assim como a mobilidade urbana, sustentabilidade, empreendedorismo de impacto, cultura da inovação como processo social e cidade educadora. A importância da saúde e bem-estar para os curitibanos motivou a Prefeitura a mobilizar todas as áreas da gestão pública, que estão ampliando as ações de forma conjunta através do Curitiba Viva Bem.

Veja a matéria no site da Prefeitura de Curitiba

Últimos dias para aproveitar o 6º Festival de Carne de Onça de Curitiba

Termina neste domingo, dia 2, o 6º Festival de Carne de Onça de Curitiba. São 21 bares participantes servindo o petisco a R$ 19 a porção. O evento é um sucesso e tem movimentado os estabelecimentos. Não por acaso, a Carne de Onça é um dos petiscos mais tradicionais da cidade e Patrimônio Cultural Imaterial de Curitiba.

A Carne de Onça lembra três receitas tradicionais muito conhecidas: o Hackepeter alemão, o Steak Tartare francês e o Quibe Cru libanês. Porém, como é servido em Curitiba, é algo próprio da cidade. A iguaria curitibana é feita da seguinte forma: uma fatia de broa preta, coberta com carne bovina moída (normalmente patinho), cebola branca cortada fininha, cebolinha verde picada, temperada com sal, pimenta do reino e regada com bom azeite de oliva extravirgem. No Festival, cada cozinheiro traz sua versão, com temperos e ingredientes que agregam sabores, mas tem tirar a essência do prato.

O 6º Festival de Carne de Onça tem o patrocínio da Gold Food Service, cervejaria Roots, Its BBQ Time e Broa Curitiba Honesta Aquarius. Apoio: Abrasel-PR, Instituto de Turismo de Curitiba, Curta Curitiba e Onça Cerâmica Artesanal.

Participantes

Confira os participantes do 6° Festival de Carne de Onça de Curitiba:

*         A Ostra Bêbada

*         Barbaran

*         Baroneza

*         Bom Scotch

*         Burguer Bar

*         Canabenta

*         Cartolas

*         Charles Burguer

*         Dom Cervantes

*         GastBier

*         Green Gate

*         It´s BBQ Time Curitiba

*         Jabuti

*         Jackson Assados – Quatro Barras

*         Jipe Bar

*         Maia Box – Mercado Municipal

*         O Cachaceiro

*         O Taberneiro

*          Quermesse

*          Silzeus

*         Vila Champagnat

Para conhecer todos as receitas e endereços, basta acessar o site www.curitibahonesta.com.br <http://www.curitibahonesta.com.br> .

Serviço:

6° Festival de Carne de Onça de Curitiba

De 14 de setembro a 2 de outubro de 2022

#festivaldecarnedeonça

Informações: www.curitibahonesta.com.br <http://www.curitibahonesta.com.br>

Instagram @curitibahonesta

Facebook:  https://www.facebook.com/curitibahonesta <https://www.facebook.com/curitibahonesta>