Apresentação de Nando Reis em Curitiba inicia a retomada de shows em teatros

O cantor e compositor desembarca na cidade no próximo dia 27 de novembro para apresentação teste no Teatro Positivo – Grande Auditório, que promete ser referência no país. Ingressos já estão à venda

Após 8 meses, Curitiba será palco para o primeiro show da retomada em teatros no Brasil. No dia 27 de novembro, a cidade vai receber o cantor e compositor Nando Reis para uma apresentação teste no Teatro Positivo – Grande Auditório, com 50% da capacidade máxima. O show será realizado pela Prime, em parceria com o Teatro Positivo e com o apoio da Prefeitura Municipal de Curitiba, da Secretaria Municipal de Saúde, e da ABRAPE (Associação Brasileira dos Promotores de Eventos) e incentivo do Instituto Municipal de Turismo de Curitiba

Nando Reis retorna aos palcos em um show que promete ser inesquecível e na versão mais querida do público, em voz e violão. Após realizar diversas lives e shows drive-in pelo Brasil, o cantor e compositor prepara uma apresentação emocionante que irá incandescer os corações. Depois de cantar o repertório que homenageava Roberto Carlos pelo Brasil, com sucesso de bilheteria nas maiores casas de espetáculo do país, o incansável artista paulistano percorrerá suas canções que marcaram época como “All Star”, “Relicário” e “Luz dos Olhos”, entre outras tantas especiais de seu vasto repertório. Além disso, estará também presente no show o último single inédito de Nando “Espera a Primavera”, que tem se tornado sucesso absoluto nas apresentações do artista.

Para acompanhá-lo, seu filho Sebastião Reis assume os violões trazendo a magia de releituras das canções que se imortalizaram com Nando em um formato especial. No palco, a energia e magnitude do cantor permanecem as mesmas, elementos que o tornaram um dos maiores nomes da música brasileira de todos os tempos.

 (Crédito: Carol Siqueira)

Os ingressos já estão à venda com valores a partir de R$80,00 (meia-entrada) + taxa administrativa da tiqueteira. Setor Premium – R$800,00 (inteira) / R$400,00 (meia-entrada) para duas pessoas.  Setores Azul e Amarelo – R$600,00 (inteira) / R$300,00 (meia-entrada) para duas pessoas ou R$300,00 (inteira) / R$150,00 (meia-entrada) para uma pessoa. Setores Verde e Vermelho – R$400,00 (inteira) / R$200,00 (meia-entrada) para duas pessoas ou R$200,00 (inteira) / R$100,00 (meia-entrada) para uma pessoa. Setores Verde e Vermelho Lateral – R$320,00 (inteira) / R$160,00 (meia-entrada) para duas pessoas ou R$160,00 (inteira) / R$80,00 (meia-entrada) para uma pessoa. A meia-entrada é válida para estudantes, pessoas acima de 60 anos, professores, doadores de sangue e portadores de necessidades especiais (PNE) e de câncer. Clube Prime e Disk Ingressos possuem 40% de desconto na compra dos ingressos para até 2 pessoas. *Desconto sujeito a alteração sem aviso prévio. **Há o acréscimo de taxa referente à taxa de administração Disk Ingressos.***Promoções não cumulativas com descontos previstos por Lei. ****Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio. É obrigatória a apresentação do documento previsto em lei que comprove a condição do beneficiário, na compra do ingresso e na entrada do teatro. 

 (Crédito: Divulgação Prime). 

Os ingressos podem ser adquiridos através do serviço Disk Ingressos – 41 33150808 / www.diskingressos.com.br .

Projeto piloto para o país

O evento seguirá os protocolos construídos pela Prime Abrape, avaliados e ajustados em conjunto com a Secretaria Municipal de Saúde, acompanhando as determinações governamentais do município, estado e país sobre o Covid-19, com a adoção das melhores práticas para a segurança e proteção de todos os envolvidos. Será o primeiro evento no Brasil que servirá de estudo efetivo para avaliar as situações reais e de viabilidade na realização de futuros eventos nesse formato. Serão feitas pesquisas pós evento com as pessoas que estiverem presentes no show, para avaliar a efetividade do protocolo adotado e também para medir a experiência do espetáculo. Esse trabalho será repassado à Secretaria Municipal de Saúde. 

“O objetivo do evento é a retomada segura e gradual do setor de eventos, impactado fortemente com a pandemia Covid-19, o qual produzirá um experimento piloto seguro e analítico para o retorno das atividades. Os envolvidos trabalharão juntos e em plena sinergia para entregar um modelo de referência real e que possa ser aplicado, executado e viabilizado. Buscamos com muito trabalho e seriedade estarmos na vanguarda com essa proposta que tem por único objetivo a retomada do setor de eventos, com segurança, controle e seriedade. Queremos fazer deste evento referência no país, e um bom caminho a ser seguido”, revela Mac Lovio Solek, diretor da Prime e vice-presidente Abrape na região Sul.

“Precisamos de forma segura e com responsabilidade retomar as nossas atividades e com isso acabar com as festas clandestinas que assolam o país e são realmente nocivas a economia e a saúde da população, onde não há nenhum comprometimento”, completa Solek.

“Esperamos que com esse evento, possamos dar a todas as empresas e profissionais do segmento, dos mais diversos setores, a esperança de que é possível, e deverá nos ser concedido o direito ao trabalho. Esse é apenas um modelo e um ponto de partida, já que ainda teremos que conviver com esse vírus, para que possamos reconstruir nosso setor, e oportunizar aos mais de 60 tipos de profissionais de eventos que fazem parte da cadeia produtiva, de que juntos e com segurança retornaremos ao trabalho”, finaliza.  

Cadastro e orientação para o público

De acordo com Solek, todas as pessoas que adquirirem os ingressos serão cadastradas e vão receber um termo de compromisso no cumprimento de todas as normas e protocolos, que foram pensados e estudados a fim de tornar uma experiência super positiva, mas com a máxima segurança.

Umas das mudanças na estrutura logística do evento será o acesso de cada setor por uma portaria independente e exclusiva. O Controle de Acesso será efetuado seguindo os protocolos definidos pela produção e Secretaria Municipal de Saúde, tais como: medição de temperatura, distanciamento nas filas, validação do ingresso pelo espectador com monitoria local, uso do álcool em gel, uso obrigatório de máscaras, entre outros. Todo staff deverá fazer o uso de EPIs em qualquer função dentro da operação presencial, de forma a garantir a sua segurança e a proteção dos espectadores. A saída do público ao término do espetáculo também será por setor, e escalonada a cada cinco minutos para o maior conforto.

Para garantir mais segurança, os lugares serão marcados e o público será acomodado a cada duas pessoas com intervalo de duas poltronas. Para aqueles que forem sozinhos, haverão poltronas individuais disponíveis em bons lugares e em todos os setores.

SERVIÇO:
NANDO REIS – Show Voz e Violão, participação Sebastião Reis

Data: 27 de novembro de 2020 (Sexta)

Local: Teatro Positivo – Grande Auditório (R: Pedro Viriato Parigot de Souza, 5.300)
Capacidade: 50% da capacidade máxima do teatro
Horários: Abertura do teatro: 19h30 / Início do show: 21h15

Ingressos:  a partir de R$80,00 (meia-entrada) + taxa administrativa da tiqueteira.
Setor Premium – R$800,00 (inteira) / R$400,00 (meia-entrada) para duas pessoas.  Setores Azul e Amarelo – R$600,00 (inteira) / R$300,00 (meia-entrada) para duas pessoas ou R$300,00 (inteira) / R$150,00 (meia-entrada) para uma pessoa.
Setores Verde e Vermelho – R$400,00 (inteira) / R$200,00 (meia-entrada) para duas pessoas ou R$200,00 (inteira) / R$100,00 (meia-entrada) para uma pessoa.
Setores Verde e Vermelho Lateral – R$320,00 (inteira) / R$160,00 (meia-entrada) para duas pessoas ou R$160,00 (inteira) / R$80,00 (meia-entrada) para uma pessoa.
A meia-entrada é válida para estudantes, pessoas acima de 60 anos, professores, doadores de sangue e portadores de necessidades especiais (PNE) e de câncer. 
Clube Prime e Disk Ingressos possuem 40% de desconto na compra dos ingressos para até 2 pessoas. *Desconto sujeito a alteração sem aviso prévio. **Há o acréscimo de taxa referente à taxa de administração Disk Ingressos.***Promoções não cumulativas com descontos previstos por Lei. ****Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio. É obrigatória a apresentação do documento previsto em lei que comprove a condição do beneficiário, na compra do ingresso e na entrada do teatro. 

Ponto de Venda: Disk Ingressos – 41 33150808 / www.diskingressos.com.br .
Forma de pagamento: Não serão aceitos cheques, apenas dinheiro e cartões de débito e crédito.

Classificação etária: Livre
Informações: 41 33150808 / www.maisumadaprime.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curitiba decreta que farmácias e laboratórios determinem isolamento para positivados da Covid-19

Em bandeira amarela, Curitiba prorroga as regras atualmente vigentes por mais sete dias e recomenda a priorização do trabalho remoto ou virtual como medida para reduzir o risco de contaminação por covid-19 ou Influenza (H3N2) no ambiente profissional.

Com a prorrogação das medidas segue valendo a regra de limitação de público, em que a ocupação não deve ultrapassar 70% da capacidade prevista no Certificado de Licenciamento do Corpo de Bombeiros (CLCB).

Além da ocupação em até 70% de sua capacidade máxima, todos os estabelecimentos devem cumprir o Protocolo de Responsabilidade Sanitária e Social de Curitiba e as orientações, protocolos e normas da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) e das demais secretarias e entidades competentes em relação à prevenção à covid-19.

A decisão tomada pelo Comitê de Técnica e Ética Médica da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), em reunião nesta quarta-feira (19/1), tem como objetivo reduzir a circulação de pessoas no ambiente de trabalho.

O Decreto 60/2022 será publicado nesta quinta-feira (20/1) e começa a valer a partir da publicação. As medidas terão vigência até 27 de janeiro.

Isolamento

Também será publicado nesta quinta-feira (20/1) o Decreto Municipal  61/2022, que estabelece regras para a emissão de “Comunicado de Isolamento Domiciliar” por laboratórios clínicos, farmácias e drogarias e também define normas para o cumprimento do período de isolamento.

A partir da publicação, os laboratórios clínicos, farmácias e drogarias que realizam testagem para covid-19 e influenza ficam obrigadas a emitir o Comunicado de Isolamento Domiciliar para pessoas detectáveis para as doenças, conforme modelo fornecido pela SMS.

Pessoas jurídicas devem acatar os termos de isolamento e afastar do ambiente de trabalho os funcionários próprios ou terceirizados, estagiários, sócios, fornecedores, colaboradores, voluntários, prestadores de serviços ou de outros vínculos que estejam com determinação de medida de isolamento domiciliar, até o final do prazo definido. 

O documento também reforça a obrigatoriedade do cumprimento da determinação da medida de isolamento domiciliar por pessoas físicas, conforme legislação vigente. 

O objetivo do novo decreto é controlar a circulação e propagação dos vírus respiratórios da covid-19 e da Influenza.

Considerando a introdução da variante ômicron que tem mostrado maior potencial de transmissão, a principal medida de reverter o cenário de crescimento de novos casos é o isolamento das pessoas sintomáticas.

“Estamos vivendo uma nova pandemia, ela tem um perfil diferente dos outros anos, os casos têm se alastrado de forma muito mais rápida, embora a grande maioria das pessoas venha apresentando sintomas leves, é necessário reverter esse cenário de crescimento”, explica o diretor da epidemiologia, Alcides Oliveira.

Ainda segundo Oliveira, embora o número de internamentos não esteja crescendo na mesma proporção que o número de casos, devido a alta cobertura vacinal da população, o cenário de aumento deve ser avaliado com cautela pelas autoridades de saúde e é necessário a adoção de regras para contenção.

“O isolamento é o que vai frear esse crescimento, precisamos que cada um faça sua parte, no primeiro sintoma se isole, não transmita o vírus”, orienta Alcides.

A SMS recomenda, atualmente, que os serviços de saúde (públicos e privados) apliquem o isolamento de sete dias para todas as pessoas com sintomas e casos com resultado positivo para covid-19 ou gripe. Em caso de permanência dos sintomas após esse período a orientação é voltar a procurar um serviço de saúde.

O descumprimento das novas normas está sujeito a infrações sanitárias, que podem ir desde processos administrativos, multas e a cassação da Licença Sanitária do estabelecimento.

As normas terão vigência enquanto perdurar o cenário de aumento de casos de Síndromes Respiratórias Agudas Graves – Srag.

Regras de ouro

Seguem fundamentais as já conhecidas regras de ouro para a prevenção da contaminação por vírus respiratórios, o uso de máscara facial, higienização constante das mãos (com álcool em gel 70% ou água e sabão), distanciamento social e manutenção dos ambientes arejados. 

Em caso de sintomas respiratórios, a pessoa deve se isolar e procurar atendimento dos serviços de Saúde a que tiver acesso (público ou privado) para verificar o melhor momento para realizar a testagem contra a covid.

Bandeira Amarela – Veja como permanecem as principais atividades

•    Atividade suspensa
Consumo de bebidas alcoólicas em vias públicas, salvo em feiras livres e de artesanato.

•    Atividades respeitando até 70% da capacidade de público prevista no Certificado de Licenciamento do Corpo de Bombeiros (CLCB)
– Atividades comerciais de rua não essenciais, galerias, centros comerciais e shopping centers;
– Atividades de prestação de serviços não essenciais, tais como escritórios em geral, salões de beleza, barbearias, atividades de estética, saunas, serviços de banho, tosa e estética de animais, floriculturas e imobiliárias;
– Academias de ginástica e demais espaços para práticas esportivas individuais e coletivas;
– Restaurantes, lanchonetes, panificadoras, padarias, confeitarias e bares;
– Lojas de conveniência em postos de combustíveis;
– Comércio varejista de hortifrutigranjeiros, quitandas, mercearias, sacolões, distribuidoras de bebidas, peixarias, açougues, e comércio de produtos e alimentos para animais;
– Mercados, supermercados, hipermercados e lojas de material de construção;
– Parques infantis e temáticos;
– Cinemas, museus, circos e teatros para apresentação musical ou teatral;
– Casas de festas e de recepções, incluídas aquelas com serviços de buffet, salões de festas em clubes sociais e condomínios e estabelecimentos destinados ao entretenimento, tais como casas de shows, casas noturnas e atividades correlatas;
– Eventos corporativos, de interesse profissional, técnico e/ou científico, como jornadas, seminários, simpósios, workshops, cursos, convenções, fóruns e rodadas de negócios;
– Mostras comerciais, feirões e feiras de varejo;
– Serviços de call center e telemarketing;
– Igrejas e templos;
– Eventos esportivos profissionais com público externo e de apresentação teatral ou musical em espaços abertos.

•    Os estabelecimentos devem priorizar a substituição do regime de trabalho presencial para o teletrabalho, trabalho remoto ou outro tipo de trabalho à distância, quando possível, de modo a reduzir o risco de contaminação pela covid ou Influenza no ambiente de trabalho.

Rodízio de água é mantido nas regiões de Colombo que são abastecidas por poços

A Sanepar informa que continuam em rodízio as regiões de Colombo que são abastecidas por poços do Aquífero Karst, e não pelo Sistema de Abastecimento Integrado de Curitiba e Região Metropolitana (SAIC), porque eles estão com vazão reduzida pela falta de chuvas.

O rodízio segue na Região Central, que abrange os bairros Butiatumirim, Fervida, São João, Santa Gema, Cercadinho, Serrinha, Itajacuru, Parque Embu, Arruda, Santa Tereza, Centro, Jardim Florença, Gabirobal, Uvaranal, Sapopema, Curitibano, Santa Fé, São Gabriel, Ana Rosa e Roça Grande.

Curitiba e Região Metropolitana não terão mais rodízio de água. O anúncio foi feito pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior e pelo diretor-presidente da Sanepar, Claudio Stabile, nesta quarta-feira (19).

Os reservatórios que compõem o SAIC atingiram nível médio de 80,34% da capacidade com as chuvas de janeiro, antecipando a programação do fim do rodízio, previsto para março. A normalização do abastecimento deve ocorrer até as 16 horas de sexta-feira (21).

Confira a tabela do rodízio.