in , , , ,

VERGONHA – A polêmica Primeira Liga, ou Liga Sul-Minas-Rio

E aí pessoal! Dia 27 de janeiro começa a Liga Sul-Minas-Rio, ou Primeira Liga, e hoje vamos contar o que é essa liga e porque anda dando tanta polêmica!

O ano de 2015 foi cheio de escândalos envolvendo os dirigentes da CBF e muitos árbitros durante os jogos. Diante deste cenário, de clara insatisfação por parte dos clubes, começou a criação da Liga Sul-Minas, um torneio regional realizado entre os clubes de  Minas Gerais, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Paraná,  que acabou sendo considerado como uma de reedição da antiga Copa Sul-Minas, que rolou entre os anos de 2000 e 2002 e acabou sendo suspensa.

No começo, a CBF tratou amigavelmente o torneio, considerando a inserção da Liga no calendário oficial já em 2016. Em Fevereiro do ano passado, com a atual polêmica dos preços referentes ao Campeonato Carioca, a dupla Fla-Flu resolveu se juntar a Liga, assim formando  Liga Sul-Minas-Rio, fundada oficialmente em 10 de Setembro de 2015 contando com as participações de Flamengo, Fluminense, Internacional, Grêmio, Atlético-MG, Cruzeiro, Coritiba, Atlético-PR, Joinville, Chapecoense, Criciúma, Avaí e Figueirense.

Os novos clubes chegaram e a Liga começou a ganhar maior visibilidade, assim preocupando a CBF.  A FERJ – Fundação do Rio de Janeiro, acabou entrando e mudando o rumo das negociações, entre a Liga e a CBF, se mostrando contra a participação dos clubes cariocas no torneio. Mandaram um ofício para a CBF argumentando a ilegalidade da liga e a CBF aceitou. O torneio passou a ser organizado por conta própria.  Com a Liga se organizando independentemente, a CBF declarou “Não estimulamos, nem criticamos. Só observamos”.

O principal intuito da Liga é o de, futuramente, organizar o Campeonato Brasileiro e deixar com a CBF só a seleção. A antiga Copa Sul Minas, em 2002, foi suspensa pois era um campeonato administrado pelos próprios clubes e não por uma federação. Era mais atrativo e muito mais rentável aos clubes, por isso a Liga Sul-Minas-Rio é considerada uma reedição, assim como já acontece em muitos clubes estrangeiros, os quais organizam seus campeonatos e deixam as seleções para as federações. Isso justifica muito a falta de apoio da CBF, a qual não quer perder seus podere$.

A FERJ anunciou que os clubes cariocas que participarem da liga serão punidos, não terão cota de televisão integral e a divisão de base não disputará competição nenhuma por um ano. Em apoio, os demais clubes da Liga se juntaram e ameaçam boicotar o Campeonato Brasileiro.

Vendo isso, a CBF anunciou a proibição do torneio em 2016, convocando uma reunião com os clubes para que o torneio passe a ser oficializado e realizado em 2017. E, em contrapartida e indiferente a “proibição”, a Liga anunciou a escalação dos árbitros para a primeira rodada.

Com tudo isso que aconteceu, tá acontecendo, e COM CERTEZA ainda vai acontecer muito, eu só consigo lembrar de uma coisa:

CBF vergonha
                                                                     hahahahahahaha

Brincadeiras e ~verdades~a parte, até o momento #VAITERPRIMEIRALIGA e começa, ou é pra começar, quarta dia 27/01/2016 com os seguintes jogos:

1ª RODADA

27/01

Criciúma X Cruzeiro

Fluminense X Atlético-PR

Atlético-MG X Flamengo

Internacional X Coritiba

28/01

América X Figueirense

Avaí X Gremio

Parece que a proibição da CBF gerou uma revolta nas redes sociais, já subindo a tag #JuntosPelaPrimeiraLiga nos trends do Twitter.

Vamos acompanhar e ver até onde tudo isso vai chegar!

 

Tabela Primeira Liga
Via: Paraná Online.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curitiba em ilustrações

Curitiba em ilustrações

Primeira Liga

O QUE ROLOU? Primeira Liga – Primeira Rodada